×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

Uso de máscara segue obrigatório em locais públicos de São Paulo

Giulia Trecco Giulia Trecco - Editora | Brasil

máscara obrigatória em São Paulo

Prefeitura estudava a possibilidade de liberar a máscara, mas seguiu a indicação de especialistas em saúde pública.

O uso de máscara de proteção facial contra o coronavírus segue obrigatório na capital e sem data prevista para suspensão. O anúncio foi baseado em estudo científico produzido pela Secretaria Municipal da Saúde, cujo resultado permitiu a liberação do distanciamento mínimo em escolas da rede municipal, teatros e cinemas. As medidas foram anunciadas pelo prefeito Ricardo Nunes em coletiva de imprensa na última quinta, dia 14.

Desde a última sexta, dia 15, espaços como teatros e cinemas, onde era obrigatório o distanciamento de um metro, estão com a capacidade total permitida.

De acordo com a coordenadora do núcleo epidemiológico da Vigilância Sanitária, Paula Bisordi Ferreira, a definição da nova recomendação foi feita com base no método de rastreamento e monitoramento dos casos de contado da Covid-19, que permite reduzir a transmissão doença.

Publicidade

Apesar das boas notícias, a população segue obrigada a utilizar máscaras tanto em ambientes fechados como em ambientes abertos. Porém, o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, reafirmou que haverá um novo estudo até 10 de novembro, quando a obrigatoriedade pode cair.

Notícias