×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Notícias O Que Fazer

Por que o pôr do sol esteve mais rosado e alaranjado do que o costume?

Giulia Trecco Giulia Trecco - Editora | São Paulo Secreto

Por que o pôr do sol esteve mais rosado e alaranjado do que o costume?

As cores do céu nos últimos dias encantaram os paulistanos e geraram inúmeros cliques nas redes sociais.

No fim da tarde desta terça, dia 14, moradores de São Paulo registraram, da janela de casa, as cores do pôr do sol. Além de admirar os paulistanos, o fato fez com que muitos questionassem o que causou o fenômeno. 

De acordo com os especialistas do Climatempo, apesar de algumas pessoas acreditarem que as cores poderiam surgir pela baixa poluição por conta da quarentena, a coloração alaranjada e rosada surge justamente por conta da poluição na atmosfera. 

“Isso está associado a essa nebulosidade sobre o estado de SP. Há uma Camada de nuvens altas e médias que ficaram bloqueadas depois da passagem de uma frente fria. Justamente a interação dos raios solares chegando baixo por causa do por do sol, com os cristais de gelo desta nebulosidade que deram essa coloração tão linda”, afirmou meteorologista Josélia Pegorim em vídeo do Climatempo. 

Veja a explicação completa da meteorologista sobre a incrível coloração das nuvens no fim da tarde dos dias 14 e 15 de abril de 2020. Os tons de laranja, vermelho, rosa das nuvens encantaram e mereceram muitas clicadas.  Dois dias de show do céu, de graça, para suavizar a quarentena da Covid-19.

Publicidade

Foto de capa: @fotografo_nobrega_studio