×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

F1: falta pouco para o GP de São Paulo

Giulia Trecco Giulia Trecco - Editora | Brasil

f1 são paulo 2021

Os ingressos para a etapa nacional da disputa já estão esgotados e os apaixonados por automobilismo estão em contagem regressiva.

Após o cancelamento do Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1 em 2020, por conta da pandemia de Covid-19, a prova está de volta à capital paulista. Entre os dias 12 e 14 de novembro, o Autódromo de Interlagos, recebe mais uma vez corrida.

Os apaixonados por velocidade estão em contagem regressiva para acompanhar o GP de São Paulo. Como explica o Esportividade, esta etapa será uma das três da temporada 2021 que acontece com sprint race, ou seja:

Na tarde de sexta-feira, os pilotos disputam uma sessão classificatória para a definição do grid da corrida curta de sábado (de pouco mais de 100 km, ou seja, 24 voltas). Depois desta, os três primeiros colocados pontuam e na qual são definidas as posições de largada da prova de domingo (71 voltas).

Publicidade

Os ingressos, que podem incluir também as sessões de treinos livres e classificatórios, custavam a partir de R$ 325,00, nas arquibancadas. Mas mesmo os ingressos da área VIP, que custavam a partir de R$ 5300,00, já estão esgotados. Apesar disso, alguns esperançosos seguem tentando encontrar ingressos para a F1 que estejam sendo comercializados por terceiros.

Sobre a etapa paulista

Anteriormente conhecido como Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, a prova aconteceu pela primeira vez em 1972 e fez parte do campeonato de Fórmula 1 entre 1973 e 2019. Em todos os anos, a prova aconteceu no Autódromo de Interlagos, na Zona Sul da cidade. Depois do cancelamento do GP Brasil de 2020, o governo de São Paulo firmou contrato com a Fórmula 1 até 2025 e a corrida passou a ser oficialmente designada de Grande Prêmio de São Paulo.

Notícias