×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Cultura O Que Fazer

Casarão na Avenida Paulista vai ser transformado em museu de ciências e tecnologia

Giulia Trecco Giulia Trecco - Editora | São Paulo Secreto

casarao paulista

Principal avenida da cidade já é conhecida pelos espaços culturais que oferece 

O palacete Franco de Mello, considerado o último imóvel restante do primeiro loteamento da Avenida Paulista – que ainda preserva alguns espaços não residenciais mais antigos, como o Parque Trianon (1892) e o Instituto Pasteur (1904) -, será restaurado e transformado em um museu e centro cultural dedicado à ciência e tecnologia. 

Construído em 1905, o palacete localizado no número 1919 da principal avenida da capital paulista foi tombado em 1992. Desde então, se tornou centro de uma disputa entre o herdeiro da propriedade e o Governo do Estado. Com o tombamento, qualquer reforma que precisasse ser feita no imóvel se tornou um processo complicado e dispendioso. 

Palacete na década de 1910.
Foto: Acervo pessoal/Paulo Castagnet

A casa de 35 cômodos e quase 5000 m² de terreno vai passar por um restauro, que irá manter as suas características arquitetônicas. O espaço ainda não tem um nome definido, mas será financiado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) através do SESI, em uma parceria com o Governo do Estado de São Paulo.

Publicidade

Inspirado no Exploratorium, laboratório e museu tecnológico que, desde 1969, se dedica à descoberta e experimentação científicas nos Estados Unidos, o novo museu da cidade deverá ter atividades de formação e capacitação para empreendedores e startups, além de e exposições de arte e tecnologia. 

Foto de capa: Flickr